Notícias

OUTUBRO ROSA COM AÇÕES PARA AS MULHERES

Outubro Rosa é uma campanha de conscientização que tem como objetivo principal alertar as mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama e mais recentemente sobre o câncer de colo do útero

#CONTROLE | POR SIDNEY | 08 DE OUTUBRO DE 2019 | 117
A equipe da SEMUS/LC está em campanha temática com procedimentos exclusivos para o sexo feminino. No Centro de Saúde da Mulher, os funcionários estão vestidos a caráter e como sempre desenvolvendo um trabalho que vai desde a informação, instrução e realização na prática.

Confira os exames que estão sendo feitas no Centro de Saúde da Mulher:
*Consulta de Ginecologista
*Exame de Culposcopia
*Exame de Mamografia
*Realização de testes rápidos
*Consultas com Nutricionista
*Atendimento com Dentistas

AGORA INFORME-SE MAIS:
Você sabe o que é Outubro Rosa?

Outubro Rosa é uma campanha anual realizada mundialmente em outubro, com a intenção de alertar a sociedade sobre o diagnóstico precoce do câncer de mama. A mobilização visa também à disseminação de dados preventivos e ressalta a importância de olhar com atenção para a saúde, além de lutar por direitos como o atendimento médico e o suporte emocional, garantindo um tratamento de qualidade.

Durante o mês, diversas instituições abordam o tema para encorajar mulheres a realizarem seus exames e muitas até os disponibilizam. Iniciativas como essa são fundamentais para a prevenção, visto que nos estágios iniciais, a doença é assintomática.

Sobre o câncer de mama

O câncer de mama é um tumor maligno que ataca o tecido mamário e é um dos tipos mais comuns, segundo o Instituto Nacional do Câncer - INCA. Ele se desenvolve quando ocorre uma alteração de apenas alguns trechos das moléculas de DNA, causando uma multiplicação das células anormais que geram o cisto.

A importância da mamografia

Segundo o Instituto Oncoguia, diagnosticar o câncer precocemente aumenta significantemente as chances de cura, 95% dos casos identificados em estágio inicial têm possibilidade de cura. Por isso, a mamografia é imprescindível, sendo o principal método para o rastreamento da doença.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM) das 11,5 milhões de mamografias que deveriam ter sido realizadas no ano passado, apenas 2,7 milhões foram feitas. A diminuição acentuada do exame é um fator de risco para milhares de mulheres e um alerta para a importância da campanha.

Por: DEPARTAMENTO DE COMUNICAÇÃO

 

Deixe seu comentário